24 novembro 2016

LEITURAS DE 2017

Para que saibam, ó incautos leitores, o plano de leituras para 2017 está em gestação. Sugestões de um lado, palpites de outro, e a coisa vai avançando, ainda com lista provisória. Livros de 500 páginas não serão permitidos, os olhos agradecem. Teremos um trimestre dedicado à literatura angolana, outro à literatura erótica... Consta perspectivarem-se algumas ausências à sessão do próximo sábado: importantes colóquios, deveres profissionais e outras razões atendíveis. Quem faltar que depois não se queixe. Além de perder a discussão de um belo livro - Vidas Secas, de Graciliano Ramos - vai deixar, talvez, de poder indicar o livro que gostaria de ver discutido no próximo ano. Até sábado! 



Nenhum comentário: